assinar: Posts | Podcast

5 Motivos pra assistir “O Filme da Minha Vida”

0 comentários
5 Motivos pra assistir “O Filme da Minha Vida”

Você achou que nunca mais a gente ia te dar Cinco Motivos pra ver, ouvir ou ler mais nada? Achou erraaaaado, seu loser!

Dessa vez vamos listar os motivos pra você levantar a bunda dessa cadeira que você está sentando e correr para a cadeira do cinema e ir assistir o novo filme dirigido por Selton Mello: “O Filme da Minha Vida”. Fique tranquilo que você não verá nenhum spoiler. Na verdade, nem vamos te contar nada da história. Leia cada motivo com atenção e vá para o cinema conferir se tudo o que falamos a seguir procede ou não.

Motivo 1: Ainda está em  cartaz

Pode parecer loucura, mas estamos falando de um filme nacional e você sabe como são os cinemas em terras tupiniquins. Os filmes aqui da terra ficam em cartaz normalmente uma semana ou no máximo duas. Porém, mesmo tendo estreado no começo do mês passado “O Filme da Minha Vida” continua em cartaz em muitos cinemas pelo Brasil afora

Motivo 2: As atuações são de cair o queixo

O trabalho dos atores é um espetáculo à parte. A sutileza e a sensibilidade empregadas em cada diálogo, em cada olhar e em cada movimento imprimem uma verdade nas atuações poucas vezes vista. Destaque importante para as performances de Johnny Massaro, que vive o protagonista, Vincent Cassel, o próprio Selton Mello e principalmente a participação especialíssima de Rolando Boldrin mostrando que muito além de ser o senhor simpático que conta seus “causos” à frente do programa “Senhor Brasil” da TV educativa, ele ainda é um grande ator.

Motivo 3: Foge de qualquer clichê de filme nacional

Esqueça todos aqueles modelos batidos que você conhece sobre os filmes nacionais. Aqui você não vai ver uma comédia simplória com cara de novela das sete, nem uma produção hermética cheia de cenas contemplativas massantes e muito menos um filme triste falando da “dura realidade brasileira” seja do presente ou do passado. “O Filme da Minha Vida” mostra as relações entre familiares, amigos e amores com uma abordagem muito poética e sentimental, seja mostrando como temos a sensação de flutuar ao passar por uma experiência sublime ou em um diálogo sobre uma corrida de bicicletas contra a morte, ou até simplesmente na transformação que uma viagem pode ter nas nossas vidas.

Motivo 4: Ambientação e fotografia lindíssimas

Não há quem não goste de observar uma bela paisagem ou ouvir uma música suave de vez em quando. E porque não ter uma experiência de duas horas mergulhando em lindos horizontes do interior do Brasil? Ouvir canções repletas de lirismo e significado, que não estamos mais tão acostumados a escutar. É impossível não se emocionar com o clima aconchegante que vemos em cenas simples como dois amigos tomando café e se divertindo com um jingle de rádio.

Motivo 5: Vale a pena assistir uma história sensível

Atualmente o cinema está apinhado de histórias de heroísmo, com muita ação, pancadaria e uma divisão muito clara entre o que é bom e o que é ruim e o que é certo e errado. Chega uma hora que é saudável encontrar uma história que saia um pouco desse padrão, que mostre pessoas mais reais, com os mesmos defeitos e dramas que todos temos. Assistir relações com um pouco mais de complexidade do que um simples romance explosivo ou uma adoração impossível nos faz exercitar algo tão raro nos dias de hoje: a empatia. Nessa produção podemos ver todas as angústias, derrotas e vitórias que todos temos em nossas vidas sob um olhar artístico, para que possamos nos lembrar  de que por mais comum e desimportante que uma relação de pai e filho possa parecer, no que diz respeito aos destinos de um país ou à sobrevivência de uma galáxia, o seu brilho não pode ser medido ou ignorado.

*    *    *    *    *

Trailer do Filme

*    *    *    *    *

Conhece a nossa página no Facebook?

Já nos segue no Twitter?

Para assinar nosso podcast no iTunes, clique no botão Agregue a Loserlândia, no lado direito da página.